Carnaval

Globo “amarela”, não premia Mangueira e dá Estandarte para escola que homenageou o “rei do candomblé”

Comentários
Comentários do Wordpress (1)
  1. Marigudisse:

    Grande Rio foi medíocre, começando pelo samba. Se homenageia pessoas realmente famosas e não um João das quantas qualquer. A Mangueira apresentou o desfile mais horrendo e insultante de todos os carnavais. Comissão de frente com Cristo Rei do Morro, ou seja, Cristo traficante e no final um Cristo crucificado com imagem de um menor típico de cabeça descolorir, tipo funkeiro, violador, assaltante. Cristo bandido. Agora eu pergunto, falam tanto de intolerância e são os primeiros em querer questionar a cor da pele de Cristo, algo que nenhuma religião crê importante pq os feitos dele são superiores à qq indução de divergência étnica.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.